Review GTA San Andreas Mobile

GTA-San-Andreas-Mobile-version-to-arrive-in-December-530x350

Um clássico da história dos games GTA San Andreas teve sua versão mobile. Já tem um tempo que foi lançada, em 2013 precisamente. Por tanto temos dois pontos importantes, um grande clássico dos games e uma nova plataforma, que não é tão nova assim, que devido a fonte evolução dos gadgets proporcionam o desenvolvimento de games, que deixam os críticos, saudosistas das tradicionais plataformas, de cabelo em pé.

GTA San Andreas não possui os melhores gráficos e mecânicas dentre os jogos mobile. Você consegue achar isso em jogos feitos por estúdios como EA, Vivid Games, Glu e Gameloft. Especialistas em games mobile. Mas estamos falando de uma das maiores franquias do mundo dos games, independente de plataforma. Por trás temos um grande estúdio que todos respeitam e ovacionam.

A Rockstar não investiu nessa plataforma as cegas. Há uma diferença entre o SA mobile para o doPS2. Se você tiver um gadget de última geração notará alguns detalhes gráficos no cenário, na iluminação, até mesmo fisicamente nos personagens, detalhe dos 5 dedos nas mãos por exemplo, que não há no console. Há rumores que em 2016 sairá o GTA IV para mobile. Os mais críticos vão falar que só serve em gadgets avançados. Hoje qualquer app, principalmente os de jogos terão uma performance melhor em gadgets mais parrudos. Seu pc precisa de evoluir, se não, não vai rodar os games AAA da nova gen. Os consoles ja evoluíram. Então não há espaço para reclamação. A plataforma mobile é mais uma para o mercado de games, e já gera uma alta receita para estúdios que criam games exclusivos para a plataforma. Além de possuir um alto nicho de usuários.

Houve algumas melhorias, mas nada revolucionário. A Rockstar deixou isso para GTA V. mas nosso foco aqui é GTA SA mobile e o que ele representa nesse mercado de jogos mobile. Para quem é acostumado com controles e teclados, a experiência touch screen pode ser algo estranho e até difícil. Mas se você é gamer e não foge de desafios. Essa pode ser uma grande experiência, e só tende a melhorar a sua experiência parente ao game.

Em GTA San Andreas, não vou repetir o termo mobile pois já está bem claro qual plataforma estamos falando aqui. Em SA você tera uma certa dificuldade em pilotar os veículos, principalmente os carros, e em atirar. Se não tiver uma boa destreza em mirar no alvo e controlar a camera do game player, você poderá atirar para o alto enquanto seus adversários estão te acertando. E no final disso, mais uma conta gasta com hospital.

Particularmente acho mais difícil o domínio do game player do que a sua interatividade com elementos do cenários e outros personagens, ou seja a inteligência artificial do game. É mais fácil você eliminar um adversário ou roubar um veículo, do que manusear perfeitamente o objeto utilizado para tal façanha ou o veículo roubado.

Mas essa questão de familiaridade ou não com os controle é resolvida indo nas Configurações de Personalização do Menu e organizando conforme seu gosto. Há gadgets que permitem jogar com controles externos.Para não desanimar os interessados em jogar esse clássico no seu smartphone. Há botões que facilitam sua ação. Seja para roubar ou entrar em um carro, mergulhar ou voltar para superfície.

maxresdefault

Mesmo até para atirar, onde com um toque no alvo desejado, sua mira redireciona de acordo com sua interação com a tela. Em missões, nesse caso há novas missões em relação ao game do PS2. E para garantir a melhor jogabilidade há o sistema de check point, caso você não tenha
sucesso na primeira tentativa, ou na décima.

No game ainda há as diversas formas de entretenimento. Os diversos hambúrgueres e saladas, as lojas de tattoo, as oficinas para modificar e garantir aquele veículo roubado ou fazer aquela customização no seu próprio. Comprar aquela roupa de acordo com estilo que você estabeleceu ao seu CJ, até mesmo mudar o visual do mesmo. Há as boates para beber e jogar sinuca, e as jovens donzelas que fazem seu veículo tremer todo. Essa versão de San Andreas te proporciona toda a polêmica existente em volta da franquia, mas com a liberdade, ou melhor, pois jogar no conforto do sofá em um console ou na cadeira em um pc não é ruim.

Te leva ao mundo de Los Santos em qualquer lugar, basta ter bateria em seu gadget. Isso mesmo, bateria somente. O game não depende de uma conexão wi fi ou com a internet para ser jogado. Ponto positivo para Rockstar. Pois um dos diferenciais da plataforma mobile é a mobilidade. Por tanto, nada melhor do que usar aquele fone de ouvido, eu uso o meu HammerHead da Razer, e no banco do ônibus ou passageiro do carro, viver uma nova experiência no mundo de Carl Johnson em Los Santos.

San Andreas não foi um game projetado para o mobile. Por isso quem o jogou em outras plataformas, pode ter a dificuldade de jogar com o touch screen, e até reclamar dos controles apertados na tela. Mas como citado anteriormente, há uma maneira de melhorar ou minimizar o desconforto da sua experiência com o controle de jogo. Realmente essa questão do touch pode até te prejudicar em algumas missões. Mas jogar San Andreas na plataforma mobile é uma experiência em que qualquer gamer sério deve ter pelo menos uma vez na vida. O mesmo game passou por algo semelhante em 2008, quatro anos após seu lançamento nos consoles. Foi lançado para pcs, trazendo algumas melhorias e uma experiência nova ao jogador. 

Um dos benefícios do mobile foi o uso da cloud para salvar seu progresso. E os poucos segundos para registrar-se na Social Club. O que a Rockstar trás de benefícios ao mercado mobile com SA?

Ela populariza e mistifica ainda mais a marca GTA San Andreas, pois gamers que não jogaram no console e pcs, agora podem jogar no mobile. Trás a possibilidade de jogar o mundo de Los Santos em qualquer lugar, força os estúdios que investem na plataforma a diversificarem e tratarem com seriedade esse mercado e seus usuários.

GTA San Andreas não é o game mobile de melhor gráfico ou mecânica de jogo. E não estou sendo saudosista em elogiar o esforço da Rockstar em trazer esse clássico para o mobile. Quando você trabalha com desenvolvimento de games, há alguns detalhes que você consegue 

identificar, onde tendo somente a experiência de jogador, dificilmente iria notar. Pois não teria importância, já que sua necessidade é somente de jogar e se divertir jogando. SA é a carta de entrada definitiva de um grande estúdio na plataforma mobile. O que felizmente ocorre


constantemente nos dias atuais, seja através de anúncios ou até compras bilionárias. Como foi o caso da compra da King (Candy Crush) pela Activision Blizzard (Call of Duty), será que teremos um Call of Duty aos moldes dos grandes games da franquia. Temos o Call of Duty: Strike Team, jogo exclusivo para mobile que lembra esses moldes, mas que precisa de muito fermento ainda. Por tanto GTA San Andreas em sua versão mobile, trás toda a mística da franquia em uma


experiência nova. Por mais que o game original não foi projetado para mobile. A sua versão para a plataforma não é uma mera adaptação, há escopos próprios para a plataforma. Há quem não goste e há quem goste. Mas como disse anteriormente, jogar San Andreas na sua versão mobile é uma experiência que todo gamer sério deve fazer pelo menos uma vez.

RELACIONADO  Berserk novo trailer do jogo de para Playstation 4
Share This Post

About Author: Guilherme Martins

Historiador que faz joguinhos. Ou pode chamar de Game Designer mesmo.